" Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas apenas existe."

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

AQUELA



Só um desabafo de um garoto que não sabe muito sobre gramática...

Quando eu comecei a jogar basquete aos 12 anos, não entendia bem o conceito do que era disputar um campeonato de verdade, para mim aquilo ainda era apenas brincadeira.
Depois de 2 anos ganhei meu primeiro campeonato, foi neste ponto que tudo ficou mais claro,
como todos os dias travando inúmeras batalhas psicológicas comigo mesmo, dores no corpo que me deixavam extremamente exausto, dúvidas que surgiam na minha cabeça em que eu não sabia bem a resposta, fora o turbilhão de emoções que me dominava demais, mas que tudo valia a pena quando eu via a taça.
Eu desejava a taça de campeão, em uma os campeonatos, durante a final a taça ficava exposta, e eu não conseguia tirar os olhos dela nem por um minuto.
Você já viu uma taça de campeão de perto? É uma das coisas mais bonitas que eu ja vi, todas as vezes que tive chance de toca-la, eu abraçava e beijava, até o cheiro era diferente. Me sentia o cara mais satisfeito e completo naquele momento, que turbilhão de emoções boas, sorrisos que eu não conseguia esconder, era incrível. 
Tão boa, que te deixa viciado nessa sensação, eu só queria sentir mais aquilo, foi então que entrei de cabeça e abdiquei muitas coisas da minha vida pelo esporte.
Depois que decidi parar de jogar eu achava que nunca mais iria sentir aquilo de novo, nada me dava tanta emoção, até que teve um dia que eu descobri que podia ter tudo aquilo de novo, só que dessa vez com uma pessoa na qual estava disposta a ter minha companhia.

Desde então não meço esforços, ainda encontro situações difíceis, dias que estou exausto, dúvidas que surgem diariamente na minha cabeça, mas não desisto, por que eu já sei que tudo que me faz me sentir esse frio na barriga, vale a pena. Meu pai ja dizia “Tudo aquilo que te fizer ter vontade de se doar um pouco mais, terá um gosto muito melhor"  e quando isso acontece, quando os sentimentos tomam conta, a cabeça não raciocina direito e a respiração fica profunda, eu ainda consigo ver aquele garoto inquieto, com as mãos suando, a boca seca, e que não consegue tirar os olhos daquilo que é mais bonito, de formas invejáveis e que me faz querer me doar mais um pouco.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Eu sou violento


Eu bato, eu empurro, dou socos, dou chutes e arrisco até bater com toda a minha força nela só pra ver se eu consigo ao menos causar algo nela.
Todos os dias tento reunir cada vez mais forças e trabalhar todo o meu corpo, desde ao físico até a minha mente, pra que um dia eu possa deixa - la no chão.

Mas a vida é forte, é intensa, e não se entrega com facilidade. Ela renova e se fortalece mais rápido do que eu consiga bater nela. As vezes até acredito que eu estou derrotando ela, mas ela sempre volta e me bate com o dobro da força que eu à acertei.

A vida tem luvas, os melhores treinadores, uma academia de ultima geraçao e uma dispensa cheia de suplementos na qual ela escolhe o que vai comer.

E eu? Eu nao tenho luvas, somente maos descalsas, onde eu bato direto com osso e também me machuco. Meu treinador? A minha mente, onde insisto e preciso me iludir que estou ganhando essa luta. Minha academia? Mminha força de vontade, que eu sei que é a minha melhor arma, é ela me faz olhar o horizonte. Minha dispensa? Minha fome de chegar la (mesmo nao sabendo onde exatamente é lá),é aqui onde eu me reinvento todos os dias, procurando maneiras novas de matar a minha fome

Ja dizia Rocky Balboa " ninguem bate mais duro que a vida, mas nao importa o quanto vc apanhe, mas sim o quanto voce apanha e continua seguir lutando"

Um dia eu ainda vo vencer, e quando ela estiver no chão, eu quero somente deitar na minha cama e pensar " é hora de descansar ", por que eu sei que uma hora ou outra, ela vai se levantar novamente.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Pensamentos fora de ordem.

Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos. Um filme mais ou menos, um livro mais ou menos. Tudo perda de tempo. Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu acaso, sua adoração ou seu desprezo. O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia.

A vida tem que ser intensa, ter que ter emoção, onde os seus dias te façam sentir algo, que seja tristeza, felicidade, excitação, desprezo, qualquer coisa, desde que seja intenso.


Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende. Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.


Desejo que você

Não tenha medo da vida, tenha medo de não vivê-la.
Não há céu sem tempestades, nem caminhos sem acidentes.
Só é digno do pódio quem usa as derrotas para alcançá-lo.
Só é digno da sabedoria quem usa as lágrimas para irrigá-la.
Os frágeis usam a força; os fortes, a inteligência.
Seja um sonhador, mas una seus sonhos com disciplina,
Pois sonhos sem disciplina produzem pessoas frustradas.

Seja um debatedor de idéias. Lute pelo que você ama.